Justa

Sra. Aracy Moebius de Carvalho Guimarães Rosa

No filme “Casablanca”, a orquestra do Rick’s entoa a Marseillese, em resposta à cantoria nazista. Uma peça de resistência. Lembro-me de ter aprendido o hino francês na  década de 1970, com a professora de português Laura Vivona, no curso de segundo grau noturno do colégio Ceneart . Especificamente, eram aulas sobre literatura brasileira, com incursões nas culturas portuguesa e francesa, notórias influências de nossos escritores e escritoras durante muito tempo.
Aquela noite na escola foi memorável: era a primeira aula e, então, de uma classe lá do fundo do corredor, o hino francês irrompeu pelas paredes da escola. Espanto, risos, enfim. Segunda aula: novamente ouve-se a exortação para que os cidadãos franceses avancem contra a tirania, desta vez de uma outra classe. E assim foi noite adentro até que chegou a vez da minha classe de troar o “alosanfan”.
Dona Laura ia descrevendo e discorrendo sobre os romancistas, contistas, poetas e cronistas; seguia a cronologia e fomos passando pelos gongoristas, os inconfidentes, simbolistas, parnasianos, românticos, modernistas e concretistas.

Em uma das aulas, a professora descreveu um romance inusitado, com um linguajar peculiar e na forma de monólogo. Eu acabara de ser apresentado ao G. Rosa e o seu “Grande Sertão: Veredas”, a história do Riobaldo Tatarana e Reinaldo ou Diadorim.

Curioso, comprei o livro e gostei do que li. Há uma dedicatória carinhosa feita pelo G. Rosa à sua companheira:

"A
Aracy, minha mulher, Ara
pertence este livro."

Em 28 de fevereiro de 2011, Sra. Aracy de Carvalho  faleceu aos 102 anos. Meses depois, surgiu um livro, “Justa”, de Mônica Schpun, contando sobre a vida de Aracy, particularmente na época em que ela trabalhou no consulado brasileiro em Hamburgo, na década de 1930.

Funcionária responsável pelos passaportes, neste período conheceu então seu futuro marido, Joâo Guimarães Rosa, recém-nomeado consul adjunto.

O nazismo já havia decolado e a perseguição aos judeus se iniciou. Juntamente com a Sra. Maria Margarethe Levy, D. Aracy montou uma rota de solidariedade de apoio aos judeus para que estes conseguissem escapar de Hitler e fugirem para o Brasil. Duplo risco: na época, o governo de Getúlio Vargas nutria simpatias pelo regime nazista.

“Justa entre as nações” foi o título recebido pela Ara de G.Rosa por esta ação humanitária por parte do governo de Israel em 1982.

Sobre insilicium

Tenho formação em Exatas, basicamente em Física. Atuo no ramo de TI e busco trabalhar com ciência. Não dispenso a arte, seja visual ou sonora.

Publicado em janeiro 21, 2012, em história, literatura e marcado como , , , , , . Adicione o link aos favoritos. 3 Comentários.

  1. Encontrei seu blog por acaso; sou filha da dona Laura, que lhe deu aulas no Ceneart. Fiquei emocionada pela lembrança que você guardou dela e por saber que o que ela quis transmitir aos alunos deu tantos frutos. Ela morreu há 4 anos, velhinha, sempre ensinando com entusiasmo quem estivesse por perto. Tenho certeza de que ficaria muito feliz se lesse seu post. Eu fiquei. Obrigada.

    • Prezada Laura
      No fundo, imaginava que, algum dia, alguém que tenha estudado no Ceneart e tenha convivido com a sua mãe ainda iria ler este post. Talvez tenha lido e ficado em silêncio, quem sabe. Mas o seu comentário foi uma grata surpresa, fiquei deveras emocionado e muito feliz. Pena que a professora não esteja mais conosco, eu sinto muito. Mas tenha a certeza que, não só eu, mas muitos guardaram os seus ensinamentos e o seu exemplo de dedicação e alegria de ensinar. Um grande abraço.

  2. Silvia Regina Paes

    Estudei com a Prof Laura em 75. Foi a melhor professora que tive em 17 anos de estudos. Adorei saber que ela deixou marcar em mais alunos. A filha dela a acompanhou em uma aula numa tarde assim também sei quem ela é. Belíssima lembrança a sua, parabéns.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: